• Mauá News

Idoso é vítima de latrocínio dentro de casa em Mauá

O pedreiro Francisco Henriques, de 84 anos, morreu na madrugada desta sexta-feira (23) após ter sua casa invadida e ter sido feito refém por quatro pessoas durante um roubo em Mauá, na Região Metropolitana de São paulo. Duas pessoas, presas neste sábado (24), confessaram o crime e deram detalhes à Polícia Civil do episódio.

Segundo informações do boletim de ocorrência, o idoso estava em sua casa quando foi chamado no portão por uma mulher.


A mulher teria então chamado seu namorado e outros dois homens para um assalto, relatando que a vítima era uma pessoa idosa sozinha em residência, com  dinheiro e bens. O quarteto foi até o endereço, esperando a garota de programa chamar Francisco no portão da casa. O idoso atendeu a mulher, sendo surpreendido pelos homens logo em seguida.

Durante o assalto, Francisco foi amarrado nos braços e pernas, enquanto era agredido pelos três assaltantes homens. O grupo levou da residência uma televisão e uma caminhonete De acordo com o casal suspeito, preso pela polícia horas depois do crime, o quarteto deixou a residência sem matar o idoso. A PM foi acionada no endereço na madrugada desta sexta (23), onde encontrou Franciso morto, sem conseguir identificar a causa da morte. Os policiais acreditam que ele pode ter sofrido um infarto devido a ação dos criminosos.

O boletim de ocorrência foi registrado como roubo no 1° DP de Mauá, que será encaminhado ao 2° DP de Mauá, área dos fatos, para investigação. 

Prisão de garota de programa e ladrão

Depois de encontrar o idoso sem vida, os policiais iniciaram a investigação procurando por câmeras de segurança na área onde o crime ocorreu. As imagens foram encontradas em um supermercado próximo à residência da vítima, onde imagens mostraram um grupo de quatro pessoas caminhando na região às 2h22 da sexta-feira. 


Por volta das 05h, a PM já havia localizado a veículo roubado da vítima na Avenida Antônia Rosa Fioravante, esquina com a Rua Bandeirantes, também em Mauá. Com a localização do carro, equipes policiais tentaram também encontrar imagens do local para conseguir determinar o trajeto feito pelo grupo após o crime.


Próximo ao endereço onde o carro foi encontrado, está localizado um Centro de Referência para a População de Rua, na Avenida Washington Luiz,, onde costumam ficar usuários de drogas. Ouvidos pela polícia, estes usuários revelaram que um dos autores do crime era conhecido como Gabriel, vulgo "Gordinho", estava próximo da região, em uma casa abandonada.


Os usuários também disseram que o homem ficava pelo local, em uma casa abandonada na Rua Bandeirantes, altura do número 55, sendo utilizada por usuários de drogas como refúgio.


Por volta das 21h45, policiais civis realizaram um cerco ao imóvel e localizaram a garota de programa e o namorado dela. Ao ser capturado, o homem confessou o crime, alegando ter mais três comparsas.


A mulher, por sua vez, foi revistada por uma Guarda Civil Municipal e permaneceu calada. Foram apreendidos cerca de R$200 do homem, que já possuía passagem pela polícia por tráfico de drogas, furto e roubo.


O casal foi levado à delegacia, onde foi decretada a prisão preventiva dos suspeitos. O homem foi encaminhado à Cadeia Pública de Santo André e a mulher a carceragem do 1° DP de Mauá. Fonte: R7 notícias





2 visualizações

Receba nossas atualizações

© 2023 por AsHoras. Orgulhosamente criado com Wix.com